Você Colhe O Que Planta

Suas decisões são como sementes que você mesmo planta, sendo boas ou ruins, quem lança na terra “sua vida” é você. Plantar algo na sua vida é opção, pois você escolhe planta ou não, mas colher, é obrigação.

plantar e colher - Você Colhe O Que Planta
Você Colhe O Que Planta

Existe um famoso ditado que diz: “O que vai, volta”. Na bíblia fala isto da seguinte maneira: “Aquilo que o homem semear, isso também ceifará” (Gl 6.7). E nós geralmente colhemos muito mais do que semeamos.

banner 1 300x250 - Você Colhe O Que Planta

Os edomitas exemplificam essa verdade. Quando deveriam mostrar solidariedade, eles mostraram arrogância. Depois, eles tornaram as coisas ainda piores ao tornar intensas suas atitudes. Eles finalmente precipitaram seu próprio aniquilamento.

As vítimas eram os israelitas, os descendentes de Jacó. Os perpetradores eram os edomitas, os descendentes de Esaú, irmão de Jacó.

Apesar do fato de que Israel merecesse o juízo de Deus por transgredir a Aliança Mosaica, Deus irou-se contra os edomitas por sua atitude e pelo tratamento que deram aos seus primos distantes. Falando através do profeta Obadias, Ele admoestou os edomitas de que seus aliados iriam traí-los e que suas habitações seriam arrasadas e ficariam mais vazias do que uma vinha depois da colheita ou que uma casa depois de ter sido roubada.

Deus prometeu-lhes: “Como tu fizeste, assim se fará contigo” (Ob 15).

Por que Deus destruiu-os?

Primeiro, os edomitas mostraram soberba diante da desgraça de seus irmãos

Arrogantemente, eles se alegraram porque os invasores humilharam Israel.

Sinceramente, Israel não havia sido o melhor dos vizinhos. O rei Saul havia lutado contra os edomitas. O rei Davi os havia derrotado e “pôs guarnições em Edom (…) e todos os edomitas ficaram por servos de Davi” (2Sm 8.14).

Embora Edom tivesse readquirido sua liberdade, mais tarde foi vencido pelo rei Amazias, que “feriu dez mil edomitas no Vale do Sal e tomou a Sela na guerra; e chamou o seu nome Jocteel” (2Rs 14.7). Lutas e animosidade entre as duas nações foram constantes em quase todos os dias dos reis judeus.

No entanto, para Deus estas circunstâncias não justificavam a atitude de Edom. Ele detestava a arrogância de Edom e sua celebração diante do sofrimento de Israel.

A mensagem de Obadias é que os soberbos nunca vencem: “Quando cair o teu inimigo, não te alegres, e não se regozije o teu coração quando ele tropeçar; para que o Senhor não veja isso, e lhe desagrade, e desvie dele a sua ira” (Pv 24.17-18; cf. Ob 15).

No Salmo 35, Davi pediu a Deus que julgasse aqueles que se deleitavam com seus tropeços. Jó disse: “Se me alegrei da desgraça do que me tem ódio e se exultei quando o mal o atingiu (Também não deixei pecar a minha boca, pedindo com imprecações a sua morte)” (Jó 31.29-30).

Tempo Certo

Gálatas 6:9 nos ensina que devemos perseverar até o tempo certo da colheita. “A seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos”. O tempo certo é a segunda condição para a colheita. E a verdade é que cada um de nós tem o tempo certo de colher. Eu não sei te dizer qual é o tempo em que você vai colher o bem que tem semeado hoje. Também não sei dizer quando eu mesmo vou ceifar. Só sei que já colhi algumas coisas que semeei no passado. Mas o que eu estou plantando hoje eu não sei se ceifarei em breve. Porém, tenho a convicção de que a colheita é certa no tempo que Deus determinar.

A Lei da Semeadura e da Colheita é verdadeira e foi criada por Deus para que façamos as melhores escolhas. Mas o que a Bíblia diz sobre a Lei da Semeadura? Existe algum versículo que mostra que quem planta colhe? Sim! O que você plantou, você vai colher, então procure sempre plantar coisas boas!

Pense que um adolescente está jogando bola na rua da sua casa. Está feliz, se divertindo, até que joga a bola na sua janela e quebra ela por inteiro. Com medo, ele te diz: “Me desculpa. Eu não tive a intenção de fazer isso!” Então você responde: “Tudo bem, mas como você quebrou minha janela, agora terá que pagar pelo conserto”. E então, quando o menino paga pelo que fez, ele aprende uma lição que pode livrá-lo de cometer o mesmo erro novamente.

Foi por isso que Deus, que é um Pai amoroso, criou a lei da semeadura – para que possamos pensar muito bem antes de cometer um erro maior. Veja o que a Bíblia diz:

“Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá. Quem semeia para a sua carne, da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito, do Espírito colherá a vida eterna” (Gálatas 6:7,8).

Saiba que as suas decisões determinam o tipo de colheita que você terá. No livro de Gênesis, vemos que Adão e Eva podiam escolher se queriam obedecer a Deus ou não, mas eles não poderiam escapar das consequências de sua escolha. Pois o que o homem semear, isso também colherá. E a você também foi dado o poder de escolher entre o certo e o errado; então guarde a Palavra de Deus no seu coração para tomar as decisões corretas.

Além disso, as suas escolhas também têm impacto na vida de outras pessoas. Talvez você não tenha a intenção de machucar ninguém, mas se você disser palavras pesadas e negativas ou agir por impulso, poderá causar feridas nos outros que demorarão a ser curadas. A Bíblia conta que, depois que o povo de Israel conquistou Jericó, um homem chamado Acã desobedeceu a uma ordem de Deus, e por causa disso o exército de Israel foi derrotado em uma importante batalha. Mais tarde, Josué perguntou a ele: “Por que você nos causou esta desgraça?”. Então, antes de agir, você deve analisar se alguém poderá se machucar por causa de suas decisões. Será que os seus filhos, seu cônjuge, amigos ou igreja, serão abençoados ou prejudicados por sua escolha?

Existe uma falsa ideia de que, quando pedimos perdão e nos arrependemos dos nossos erros, as consequências do pecado são automaticamente canceladas. Mas isso não é verdade. É claro que Deus perdoa qualquer tipo de pecado e não seremos cobrados por eles no Dia do Julgamento, pois o sangue de Jesus apaga a nossa culpa; porém, mas é importante sabermos que a lei da semeadura ainda continua em vigor e dependendo da gravidade do erro, as consequências podem ser muito piores. 

Então, se você deseja evitar sofrimento, procure obedecer a Palavra de Deus para que você plante somente sementes boas e colha frutos melhores ainda!!

banner 1 300x250 - Você Colhe O Que Planta
 

Missionário Fael Mendes

Sou Missionário Fael Mendes e administro essa obra de evangelização Conhecimentos do Pai. Toda essa obra foi uma promessa de Deus e que vem chegando aos corações de milhares de pessoas tudo pela graça e misericórdia de Deus

1 Resultado

  1. Vânia disse:

    Muito esclarecedor amém

     

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.